Início / Treino / Como é a rotina de treino semanal de um pro?

Como é a rotina de treino semanal de um pro?

Aprender com os experts/pros pode ser uma boa forma de começares a perceber aquilo que é preciso para te tornares num.

Que tal começares por saber como é a rotina de treino de um expert? Quantas horas treinam, quantos dias por semana, a que altura do dia…

Estas foram algumas questões que colocámos a atletas profissionais para te ajudar a perceber como estes fatores que compõem a rotina de treino podem variar.

Questão: Como é a tua rotina de treino semanal? E porquê?  (quantas horas treinas, quantos dias por semana, a que altura do dia) 

Craig Capurso – Modelo de Fitness e IFBB Men’s Physique Pro

craig capurso

A minha rotina atual é um mix de Mobilidade, Levantamento Olímpico, CrossFit e Força. De momento não estou a tentar “crescer/ficar maior” mas, ao invés, pretendo melhorar através de mecanismos apropriados com ênfase em ganhar mais força e resistência. Na maior parte dos dias treino por volta das 15.00h durante uma hora e meia (aproximadamente). Tento treinar todos os dias se a minha agenda familiar o permitir mas, em média, treino 6 dias.

Robin Balogh – Atleta IFBB Pro

Robin Balogh

Normalmente, treino 4-5 dias por semana. A minha programação favorita é treinar dois dias e depois ter um dia de descanso, e assim sucessivamente. Sinto que é assim que consigo recuperar melhor e fazer progressos. Por norma, treino 70-80 minutos e gosto de treinar a meio do dia, entre as 13.00h e as 14.00h.

Larissa Reis – Figure Pro

Larissa Reis

Ao longo dos meus 10 anos de competição, a minha rotina diária consiste em fazer cardio logo de manhã e com o estômago vazio. Treino mais vezes durante o dia, treino de pesos e, depois, outro treino de cardio.

Anton Antipov – IFBB Men’s Physique Pro

Anton Antipov

Treino duas vezes ao dia. Faço o meu treino de cardio matinal, que é muito simples – na stairmaster a um ritmo constante durante aproximadamente meia hora, e, normalmente, em jejum. O segundo treino é ao fim da tarde/fim do dia, dependendo de como me sinto. Treino instintivamente e ouço o meu corpo, se ele me der luz verde, vou e treino. Por sorte, raramente o meu corpo me dá luz vermelha. Treino 6 dias por semana, treinando apenas um grupo muscular por dia.

Jen Jewell – Expert em Fitness e Atleta Competitiva de Fitness

Jen Jewell

Não sigo uma rotina semanal definida, onde às segundas-feiras treino pernas, às terças costas, etc. Cada semana é diferente, dado que saio em trabalho com bastante frequência. Ao invés de ter uma rotina definida ou um dia da semana em que trabalho sempre um grupo muscular específico, concentro-me em garantir que, todas as semanas, faço 2 treinos de força para a parte inferior do corpo, e 2-3 treinos para a parte superior. Alterno durante toda a semana baseando-me na minha agenda de trabalho (que nunca é a mesma duas semanas seguidas), quanto tempo tenho para treinar nesse dia, níveis de energia e como me sinto (por exemplo, se ainda estiver dorida de um treino de perna de dois ou três dias antes, provavelmente esperarei outro dia até treinar pernas de novo). Se eu sei que o meu dia vai ser incrivelmente ocupado e não terei tempo para um treino longo, então escolho treinar braços nesse dia (fazer uma super série de exercícios de bíceps e tríceps para entrar e sair rapidamente do ginásio) ou faço um treino de ombros que sei que o conseguirei fazer de forma eficaz e no mínimo tempo possível. Os dias em que treino pernas são sempre, para mim, os mais longos e, geralmente, duram aproximadamente um hora (mais ou menos) para treino de força e para uma rápida sessão de cardio.

Para além de fazer o típico treino com pesos 5 dias por semana, adoro ser ativa fora do ginásio. Por isso, ando de bicicleta, faço uma caminhada, um treino de peso de corpo ou corro no parque noutros dias durante a semana. Também gosto de adicionar power yoga durante toda a semana, tentando tirar, pelo menos, 10 minutos do meu dia para a minha sessão de power yoga, para me ajudar a manter/aumentar a minha flexibilidade, mas, estas sessões, são feitas em minha casa, não no ginásio.

Como vês, a rotina de treino pode variar de acordo com diferentes fatores: os objetivos do atleta, o tempo disponível, os gostos e necessidades individuais e a forma como o corpo reage aos estímulos…

É importante que conheças o teu corpo, que te organizes e mantenhas o foco para que nada atrapalhe o teu compromisso de construíres o corpo que desejas e de responderes aos teus objetivos.

Qual é a tua rotina de treino? Partilha connosco!

Comments

A informação contida neste artigo diz exclusivamente respeito à opinião do autor.

Acerca de Zumub.com

Zumub.com
Zumub.com

Ver também...

strength training

Treino para aumentar força: o que saber antes de começares

O treino de força tem vindo a ganhar cada vez mais visibilidade e adeptos e, ...

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *